Category

Decoração

Category

Altar no campo: saiba o que não pode faltar na decoração

As cerimônias ao ar livre dão um charme a mais ao casamento: o ambiente repleto de verde e de flores naturais, o espaço aberto com vista para o horizonte, o calor e a brisa de um dia ameno de verão ou de primavera… Tudo isso fará seu grande dia se tornar ainda mais especial e ficar gravado para sempre na lembrança dos amigos e familiares.

Se essa é a opção para o seu casamento, vale dar uma atenção especial a alguns detalhes da decoração. O altar no campo, por exemplo, precisa estar bem sustentado e decorado, afinal, ele será a estrutura principal da cerimônia. Para ajudá-la, preparamos este post com várias dicas incríveis. A gente conta tudo nos próximos tópicos!

Como decorar um altar no campo?

Os altares no campo pedem muitas flores na decoração. Nesse caso, não há muitas regras: você pode optar pelas suas preferidas, ou pelas espécies que tem a ver com a paleta de cores da festa, ou quem sabe por flores da estação. Vale também encher seu altar com outros acessórios, como velas, lâmpadas, fotos, tecidos e bordados.

É interessante determinar qual estilo sua cerimônia vai seguir e manter-se fiel a ele em todos os detalhes da decoração. Se seu casamento for mais rústico, por exemplo, poderá investir em caixinhas de madeira para colocar as flores. Por outro lado, se for mais clean, acessórios em branco e cores neutras podem ser as melhores opções.

Quais flores podem ser utilizadas?

Flores de todos os tipos! Isso vai depender, como já dissemos, dos seus gostos pessoais, do estilo da cerimônia ou da estação do ano. Cuide apenas para não escolher espécies muito frágeis e que murcham com mais facilidade. Coloque flores também nas cadeiras e ao longo do caminho que será percorrido pelos noivos durante a cerimônia.

Quais outros cuidados tomar com o altar ao ar livre?

Piso

Em casamentos no campo ou ao ar livre, o piso se torna um detalhe muito mais importante da infraestrutura do que em espaços fechados, já que ele pode dificultar ou facilitar a movimentação dos convidados. Escolha superfícies que ofereçam um certo conforto para todos da festa, especialmente para as mulheres, que, provavelmente, estarão de salto.

Tempo

Mesmo que você se case no verão, é importante levar em conta as alterações inesperadas do clima. Converse com sua decoradora para criar um plano B caso comece a chover durante a cerimônia. Pode ser uma estrutura de tecido grosso, por exemplo, adornada com flores.

Acústica

É importante que todos os convidados possam escutar tudo o que acontecer durante o casamento. Sonorize o local de maneira adequada, já que ouvir os votos e o momento do “sim” é o ponto alto de qualquer cerimônia. Para testar se a acústica está bem desenhada, vale fazer um ensaio no local da cerimônia.

Quando se trata de casamento ao ar livre, todo cuidado é pouco! Planeje sua cerimônia com cautela e preste atenção em todos os detalhes.

Gostou das nossas dicas para decorar seu altar no campo? Se você está procurando um local sofisticado, com bom custo-benefício e perto de São Paulo, entre em contato conosco. Nós temos ambientes incríveis onde você poderá realizar o casamento dos sonhos!

Como escolher topo de bolo para casamento perfeito? Temos 6 ideias pra você!

O casamento é, definitivamente, um dos eventos mais importantes de nossas vidas, afinal, é o momento em que duas pessoas que se amam se tornam uma só.

Por isso, tudo deve ser pensado e escolhido com cuidado. Cada detalhe — como o topo de bolo para casamento — é importante e contribui para que a cerimônia seja perfeita, única e fique marcada na memória do casal.

bolo, com toda certeza, é um dos protagonistas da festa de casamento. Além de proporcionar uma verdadeira experiência gastronômica, ele também se destaca por ser o ponto principal da mesa, especialmente quando são feitas verdadeiras obras de arte em sua ornamentação.

Um dos itens que mais se destaca na decoração desse quitute — e que causa muita dúvida entre os noivos na hora de escolhê-lo — é justamente o topo de bolo para casamento.

Existe hoje no mercado uma infinidade de possibilidades, que se adéquam a diferentes estilos de festa e de noivos. Exatamente por isso, separamos 6 dicas que vão te ajudar a escolher o topo de bolo perfeito para o seu casamento. Confira!

1. Escolha de acordo com o estilo da festa

Procure combinar o topo do bolo com a decoração da festa. Para isso, pense no ambiente, no estilo de decoração e na iluminação. Tome cuidado, no entanto, com a mistura de cores — o ideal é tentar sempre seguir um padrão para dar mais coesão ao estilo da festa. Vamos explicar:

Clássico

Em uma festa clássica, os tradicionais bonequinhos de porcelana são sempre uma boa pedida. Peças feitas com flores também estão em alta e combinam bastante com esse estilo, além de darem um ar mais sofisticado e leve para o bolo.

Por fim, são ótimas escolhas os artigos de biscuit, acrílico ou plástico — que são os tradicionais e mais utilizados.

Rústico

Um casamento rústico, com ar campestre, pede letras em MDF, objetos de madeira e até mesmo pinhas representando os noivos. Peças mais simples e materiais mais naturais são excelentes apostas para esse estilo.

Moderno

Os topos modernos fogem do convencional e apostam na personalidade e no estilo do casal. Neste caso, os favoritos são os artesanais, os de madeira trabalhada com características dos noivos, os de Paper Toy e os de arame.

Além disso, uma novidade que está fazendo sucesso atualmente são os topos de bolo para casamento em formato de quebra-cabeças. Irreverente e criativo, não?

Campo

Casamentos campestres são tendência e os topos de bolo devem acompanhar esse estilo. Aproximando-se bastante do rústico, você pode investir em flores, pássaros e outras peças feitas de matérias-primas naturais.

Praia

Se for realizar o seu casamento na praia, priorize objetos que remetam ao local. Podem ser peixinhos de madeira, cadeirinhas de praia em miniatura representando os noivos e até mesmo conchas e estrelas-do-mar.

2. Opte por um topo que retrate vocês dois

O topo há muito tempo deixou de ser apenas um acessório que enfeita o bolo e passou a simbolizar a personalidade do casal, trazendo algumas características como hobbies e gostos compartilhados.

Retratar os noivos como eles estarão no dia do casamento — como nos noivinhos mais tradicionais que são colocados em cima do bolo — é o mais comum, porém, não é a única maneira. Sempre há a possibilidade de se escolher um item personalizado e que represente o casal de alguma outra forma.

Os personalizados, na maior parte das vezes, se encaixam em qualquer tema, mas você deve ter um cuidado especial para que não fujam muito ao estilo da festa e principalmente à paleta de cores.

3. Chegue a um acordo com o noivo

Como falamos, você deve escolher um topo que retrate bem vocês dois. Por isso, é muito importante discutir e chegar a um acordo com o noivo.

Existem muitos tipos de topo de bolo para casamento já prontos e há, ainda, a possibilidade de se escolher um personalizado que simbolize o casal. Portanto, é de extrema importância que ele participe da escolha para que vocês sejam representados da melhor maneira possível.

4. Tenha atenção ao material

É essencial que esse artigo decorativo carregue as características dos noivos, mas outra coisa que deve influenciar em sua escolha é o tipo e a qualidade do material.

O topo de bolo para casamento é uma das poucas peças que, após a cerimônia, pode ser exposta como lembrança desse grande dia na casa do casal.

Portanto, caso você deseje guardá-lo como recordação, procure escolher um material de qualidade e com boa durabilidade. Modelos de porcelana, resina, acrílico e madeira duram a vida inteira se bem cuidados e conservados.

5. Ouça sempre a opinião de um profissional

A opinião de quem confeccionou o bolo é muito importante na hora de escolher o topo de bolo para casamento. O profissional poderá avaliar, no que diz respeito à questão técnica, como a peça dos sonhos de vocês pode ser encaixada perfeitamente no bolo.

Por vezes, ajustes no próprio bolo são necessários para que tudo fique de acordo com o desejado e ele consiga sustentar toda a decoração escolhida. Assim, dividir suas ideias com esse especialista garantirá que tudo sairá conforme o planejado no grande dia.

6. Analise o custo x benefício

Os valores do topo de bolo costumam variar bastante, podendo ir de R$ 25 até R$ 1.500! Por isso, você deve avaliar bem todas as dicas que já citamos.

Obviamente, peças mais detalhadas e de material com qualidade superior têm um valor mais elevado. Entretanto, você não precisa fazer esse tipo de investimento se ele não se encaixar no estilo da sua celebração.

Uma saída que pode reduzir bastante esse custo é fazer seu próprio topo de bolo, em estilo DIY (Do It Yourself ou “Faça Você Mesmo”). Assim, você e seu noivo terão uma peça única, que, com certeza, terá a cara do casal e com custo bem menor.

Essa decisão deve ser sua e do seu noivo(a). Procure ouvir a opinião dos profissionais e pessoas próximas ao casal, mas tenha em mente que a decisão para o topo de bolo de casamento deve ser de vocês dois.

E você, gostou das nossas dicas de hoje? Então curta os perfis da Casa Aragon e do Castelo Aragon no Facebook para não perder nossas atualizações e ficar por dentro de conteúdos exclusivos para festas de casamento!

Aprenda a montar a mesa de doces perfeita para o seu casamento!

Ao entrar no salão, é para ela que todos os olhares são imediatamente direcionados. Não, não estamos falando da noiva. A atração da vez é a mesa de doces para casamento, que, além de reunir as principais guloseimas da festa, é o detalhe mais importante da decoração. Ela servirá, inclusive, como cenário para as fotos posadas.

No Brasil, os doces são uma tradição no matrimônio e acabam representando o clima da festa. São também uma maneira de agradar a todas aquelas pessoas queridas que foram prestigiar um momento tão importante e especial.

Por tudo isso, a tradicional mesa de doces para casamento merece ser planejada com muito carinho e atenção. Neste artigo, você vai descobrir tudo o que precisa considerar para montar a mesa de doces perfeita. Confira!

Qual é a quantidade ideal de doces?

Em uma boa festa de casamento não pode faltar música, animação e, é claro, docinhos para todos os convidados. Definir a quantidade de doces ideal, porém, é um desafio comum. Aqui, é importante manter o equilíbrio, de modo a não exagerar na encomenda ou economizar demais.

Em média, calcula-se cerca de sete doces por pessoa em uma festa de casamento, mas esse número pode variar de acordo com alguns fatores.

Veja abaixo algumas técnicas que servem como orientação para chegar o mais perto possível do ideal de acordo com o seu casamento:

Sobremesa volante

Além dos doces tradicionais, alguns casais optam por oferecer alguma sobremesa volante aos convidados, que pode ser, por exemplo, sorvete, tortas ou petit gateau. Neste caso, a quantidade de bombons pode cair para quatro por pessoa.

Mas, fique atento! O bolo do casamento e o bem-casado não contam como sobremesa, já que são servidos em momentos diferentes da festa.

Vele lembrar, também, que a maioria dos convidados prefere levar alguns doces para casa. Sendo assim, conte com isso ao definir a quantidade por pessoa.

Tamanho da mesa

O tamanho da mesa é outro fator que influencia na quantidade final de doces. Mesas grandes, por exemplo, pedem mais bombons na sua composição para que fiquem completas por inteiro.

Claro que os arranjos de flores e os artigos de decoração também ocupam espaço, mas, o ideal, é que não haja buracos na mesa para não causar a impressão de que há pouca quantidade de doces ou que eles estão acabando.

Para mesas pequenas, recomenda-se repor os doces conforme os convidados se sirvam. Assim, a mesa não terá aquele aspecto de bombons amontoados e, ao mesmo tempo, fica leve e atrativa.

Quais tipos de doce escolher?

A escolha dos doces para o casamento não é uma tarefa simples, uma vez que é preciso pensar além do gosto do casal.

Para garantir que todos os seus convidados saiam satisfeitos, aposte na variedade, escolhendo dos mais tradicionais aos que são tendência.

Brigadeiros e chocolates

O chocolate é paixão nacional, por isso é item obrigatório em toda mesa de doces para casamento. Aposte tanto nas opções de chocolate puro quanto naquelas que o misturam com mousse de limão, por exemplo. Copinho com ganache, trufas e brigadeiros gourmets também são sucesso garantido.

Castanhas

As nozes são consideradas ingredientes clássicos dos casamentos. Hoje em dia, há muitas opções com a castanha além do tradicional bombom. Seus convidados vão esperar por elas, então selecione um doce como o camafeu de nozes e aposte também em outras variações com castanhas.

Sem lactose

É de muito bom-tom incluir alguns doces para pessoas que possuem restrições alimentares, como a intolerância à lactose. A quantidade deles é reduzida e duas opções já vão fazer com que seus convidados se sintam especiais por receberem tal cuidado.

Receita de família

Caso a sua família tenha alguma história marcante com alguma sobremesa, aproveite a oportunidade para fazer essa homenagem na mesa de doces. Pode ser um quindim, um bombom especial ou qualquer receita que seja tradicional para vocês. Com certeza, será uma sensação inesquecível aos seus familiares.

Como decorar uma mesa de doces para casamento?

A mesa de doces é o principal cenário da festa. Por isso, é preciso investir na decoração para que seja feito um trabalho em harmonia com todo o ambiente e de acordo com a paleta de cores definida para o casamento.

Veja o que é preciso para montar uma mesa de doces bem decorada:

Forminhas

As forminhas de doces são fundamentais na composição da mesa. Organizadas em suportes e bandejas, elas são responsáveis por valorizar cada bombom e por gerar o efeito da mesa como um todo.

Há opções de diversos tipos de tecido e em vários modelos, dos mais simples aos mais elaborados. Assim, as forminhas devem combinar tanto com as cores quanto com o estilo do casamento, seja ele rústico, moderno, vintage ou romântico.

Arranjos

Assim como os doces, os arranjos de flores, cristais e qualquer tipo de louça são importantíssimos na composição da mesa. A seleção dos itens também depende do estilo da decoração do casamento.

Aqui, é possível chegar a uma infinidade de combinações. A mais clássica é a mesa assimétrica, com o bolo no centro e demais itens distribuídos de maneira igual nos dois lados.

Plaquinhas

Não são itens obrigatórios, mas a presença de tags ou plaquinhas na frente de cada suporte de doces facilita muito para que os convidados escolham os seus preferidos. Além disso, se elas forem personalizadas, dão um charme a mais na mesa de doces.

Acessórios

Além da composição clássica de doces, forminhas e flores, está em alta acrescentar objetos decorativos que se identifiquem com o casal. Pode ser as iniciais dos noivos em letras 3D, um móbile como pano de fundo da mesa e até miniaturas dos personagens preferidos do cinema.

Peças vintage são muito versáteis e se adaptam facilmente à decoração. Também é interessante colocar objetos pessoais ou da família para dar um ar mais intimista. Entre os acessórios de aparência antiga, relógios, rádios, livros, baús e malas são os preferidos.

Neste quesito, o importante é selecionar ou mesmo fazer itens que, além de harmonizarem com a decoração do casamento, tenham a ver com os noivos.

E então, agora que você viu todas essas dicas, não ficou muito mais fácil visualizar uma mesa de doces para casamento perfeita? Se você gostou desse post, não deixe de compartilhar nas redes sociais com as suas amigas noivas que também precisam de uma forcinha!

Separamos 10 dicas para deixar a decoração do seu casamento impecável

A decoração do casamento é um dos aspectos mais importantes da organização do evento, porque é responsável por embelezar o ambiente e expressar o tom da sua festa, além de render excelentes fotos de recordação. Por essa razão, ela deve ser planejada em cada detalhe com o máximo de esmero para fazer jus a esse grande dia.

Nenhum elemento deve ser esquecido nesse processo. Tenha em mente que todos os componentes da decoração são importantes, por menores que sejam. Por isso, é fundamental pensar em questões como as cores da paleta, estilo, tipo de mobiliário, flores, entre tantos outros.

Para ajudar você que vai casar e não sabe como montar a decoração dos seus sonhos, listamos abaixo 10 dicas de como planejar uma ornamentação impecável. Confira!

1. Escolha um estilo

Antes de começar a fazer o projeto para o seu casamento, é importante eleger o estilo da decoração, que servirá como um fio condutor para a escolha de todos os outros elementos. Você pode escolher entre clássico, rústico, vintage, boho, minimalista, romântico, descolado, eco-chic etc.

Somente depois dessa eleição, você poderá definir os materiais que serão utilizados na confecção de artigos decorativos, o tipo de mobiliário, as lembrancinhas e até mesmo as flores que mais combinam com a sua festa.

Uma dica de estilo que virou tendência é o rústico. Indicado principalmente para cerimônias diurnas e ao ar livre, usam-se materiais como madeira, sisal e juta.

Se você quer algo mais descolado e jovem, considere utilizar uma decoração retrô/vintage, que cai muito bem em qualquer horário e local.

2. Mantenha uma paleta de cores

A decoração do seu casamento deve manter todos os elementos em coesão para construir um visual harmônico. Para isso, você deve escolher uma paleta de cores para ser aplicada em todo o projeto.

Algumas paletas que estão em alta são aquelas baseadas em tons pastéis e em branco. Os primeiros são mais indicados para cerimônias românticas e diurnas, por conferir um ar de delicadeza. Já o branco é ideal para quem busca uma decoração elegante e pode ser incrementado com toques dourados ou prateados.

3. Selecione as flores para os arranjos

Definidos o estilo e a paleta de cores, você tem o necessário para selecionar as flores que vão compor o seu arranjo. Para um casamento rústico, aposte em flores do campo. Para cerimônias clássicas, as dicas são as tradicionais rosas ou tulipas. Se você quer inovar, considere fazer arranjos com flores tropicais.

É importante lembrar que flores são produtos sazonais, por isso, você deve ficar de olho nas que florescem na época do seu casório para não se frustrar.

Tratando-se de formato, uma tendência que veio para ficar é a de arranjos desconstruídos, montados com a mistura de folhas, flores e diferentes texturas. Esse tipo é um excelente diferencial para uma festa de casamento e, por ser adaptável, pode ser usado tanto em cerimônias informais quanto nas mais elegantes.

4. Capriche na entrada da cerimônia

Uma entrada bem decorada é uma ótima forma de dar boas-vindas aos seus convidados. A escolha dos elementos para esse espaço vai depender de questões relacionadas ao tipo de cerimônia, ao local de realização e ao horário.

Para casamentos no campo, você pode investir em um arco florido ou portas de madeira antigas. Para locais fechados, uma dica é usar o clássico tapete indicando o caminho do cortejo, que pode ser enriquecido com arranjos florais ou até mesmo velas acesas à margem.

5. Decore o altar

O altar é o lugar para onde todas as atenções vão convergir no momento da cerimônia. Por isso, é necessário dar uma atenção especial à sua decoração. Use arranjos florais grandes para dar destaque. Pode ser usado também um arco de flores, que serve como uma moldura para o casal.

Para quem quer inovar, considere utilizar uma cortina de luzinhas como plano de fundo ou até mesmo dobraduras de origami penduradas.

6. Não se esqueça da mesa dos convidados

A mesa dos convidados também merece atenção na hora de planejar a decoração do casamento. Você deve utilizar arranjos de um tamanho médio e com pouca altura para não atrapalhar a visão dos convidados nem ocupar muito do espaço útil da mesa.

Além disso, você pode optar por um jogo americano ou sousplat que combine com a decoração e investir em um porta-guardanapos decorado.

7. Aposte em uma mesa para os noivos

A mesa dos noivos é uma tradição que está voltando aos poucos e ajuda a dar destaque aos protagonistas da festa. Ela simboliza o início da vida a dois e evita ter que escolher uma das famílias para os noivos sentarem juntos.

Para decorá-la, use plaquinhas sinalizando a cadeira de cada um e aposte em um arranjo diferente, podendo ser maior do que os utilizados nas mesas dos convidados.

8. Invista na mesa de doces e bolo

O bolo de casamento é um dos elementos que merecem destaque e, por isso, deve ser colocado em um local que o ponha em evidência. Se você pretende usar somente uma mesa para bolo e doces, coloque-o no centro e distribua os elementos de forma equilibrada para não ficar nem muito cheio nem muito vazio.

Para decorar, aposte em arranjos florais e bandejas ornamentadas, que enriquecem o visual. Além disso, escolha docinhos que não sejam somente gostosos, mas também bonitos.

9. Ornamente a entrada da festa

Se a festa do casamento for realizada em um local diferente da cerimônia, você também deve decorar a entrada do local para dar boas-vindas aos convidados.

Para tanto, você pode se valer de um mural de recados, um painel com fotos do casal e uma estante decorada com as lembrancinhas. Além disso, também é comum criar um ambiente especial, como uma sala de estar com pufes, poltronas ou até mesmo um sofá.

10. Monte um local para fotos

Uma tendência muito atual é criar um espaço específico para tirar fotos. Esse local geralmente fica próximo à entrada da festa e pode ser um ambiente completo ou somente um painel, que serve como plano de fundo.

A principal dica é investir em uma boa iluminação e caprichar no plano de fundo, que pode ser um quadro-negro com desenhos e frases que lembrem o casal.

Agora que você sabe como fazer a decoração do casamento de forma impecável, conheça mais sobre o romantismo do estilo vintage!

6 dicas indispensáveis ao escolher flores para casamento

As flores são peça-chave da decoração de qualquer cerimônia, afinal deixam os ambientes mais harmônicos, alegres e sofisticados. Mas você sabe como definir as melhores flores para casamento? Neste post, vamos dar algumas dicas para você acertar na escolha!

1. Leve em conta a época do casamento

Optar por flores da estação não apenas traz uma boa relação custo x benefício, como ajuda a criar um clima adequado. Usar flores de inverno em um casamento no verão pode deixar o ambiente pesado, por exemplo. Confira as melhores flores para casamento em cada época do ano:

  • Primavera: amor-perfeito, begônia, boca de leão, gardênia, copo de leite, girassol, tulipa, açucena, campainha, lírio branco, hortênsia, crisântemo, gérbera;
  • Verão: azaleia, boca de leão, lírio, margaridinha, miosótis, papoula, verbena, crisântemo, gérbera, girassol, margarida, lobélia, magnólia, cravos, orquídeas brancas;
  • Outono: papoula, camélia, amor-perfeito, azaleia, crisântemo, margarida, hortênsia, cravina, cravo, begônia, jasmim do cabo, tulipa;
  • Inverno: azaleia, camélia, margarida, amor perfeito, crisântemo, petúnia, tulipa, primavera, begônia, verbena, copo de leite, prímula, girassol, orquídeas, hortênsia.

2. Crie uma paleta de cores das flores para casamento

Antes de investir nas flores, crie uma paleta das cores da decoração. Planeje com a decoradora os tons que você gostaria de ter na sua cerimônia. Vale procurar referências em sites como o Pinterest, por exemplo. Assim, você terá uma ideia de quais cores harmonizam melhor entre si, e poderá aplicar esses tons também na escolha das flores.

3. Considere o horário da cerimônia

Depois de feita a paleta, é interessante considerar o horário da cerimônia para a escolha das cores. Cores mais fortes, como vermelho e rosa, são indicadas para casamentos à noite. Para eventos diurnos, opte por flores em tons pastéis ou claros.

4. Evite flores muito perfumadas em ambientes fechados

Flores com cheiros muito marcantes podem deixar sua festa com um aroma enjoativo. Por isso, evite as espécies muito perfumadas, especialmente se a cerimônia ocorrer em um local completamente fechado e no inverno. Lírio, jasmin, lavanda e narcisos costumam ter cheiros mais fortes. Por isso, se optar por essas flores, prefira um espaço ao ar livre ou misture-as com outros tipos.

5. Harmonize com a arquitetura do espaço

As flores ajudam a trazer sofisticação quando são harmonizadas com a arquitetura do ambiente. O Castelo e a Casa Aragon, por exemplo, são dois espaços em São Paulo naturalmente decorados graças à sua arquitetura belíssima. Optar por um local assim ajuda a criar um conceito em que menos é mais.

6. Invista em flores que combinam com o estilo do casamento

As flores devem acompanhar o conceito da decoração. Se você decide fazer um casamento vintage, por exemplo, pode utilizar flores tradicionais, que têm tudo a ver com o clima retrô desse tipo de cerimônia. Já eventos ao estilo rústico pedem flores do campo. Para cerimônias com ares modernos, opte por espécies de cores neutras.

Combinadas à decoração e ao espaço escolhido por você e seu noivo, as flores para casamento costumam trazer mais charme à sua cerimônia. Com essas dicas, você acertará em cheia! Ah, e lembre-se, a mesa dos noivos merece um arranjo especial!

Gostou deste post? Então assine nossa newsletter para ter acesso a outros conteúdos sobre casamento!

Conheça a nova tendência de casamento rústico

Com ares campestre e bucólico, o casamento rústico tornou-se uma tendência nos últimos anos. Os grandes salões espelhados e com luzes brancas — moda na década de 1990 e início dos anos 2000 — deram espaço a cerimônias ao ar livre, mais intimistas, com luzes quentes, tecidos naturais, muitas flores, itens em madeira e customizações.

Para te ajudar a planejar um casamento com esse estilo, preparamos algumas dicas de decoração, vestuário, gastronomia e demais itens. Sua festa será lembrada para sempre como uma cerimônia única, cheia de personalidade e très chic! Confira!

Decoração

A decoração de um casamento rústico deve ter muitos móveis e detalhes em madeira, velas, flores, objetos pessoais — como porta-retratos do casal —, almofadas e até mesmo alguns itens vintage, como aquele antigo armário da sua avó, uma vitrola, entre outros.

Uma dica valiosa para não errar e deixar seu casamento com cara de “country” ou “sertanejo”, é combinar sempre os elementos rústicos com outros mais delicados. Por exemplo, se você colocar velas em cima das mesas, combine-as com pequenos potinhos de vidro.

E por falar em detalhes delicados, não se esqueça das flores e plantas! Nesse estilo de casamento, elas são peças-chave. Se você estiver em um jardim, pode aproveitar as plantas naturais do local e integrá-las à decoração. Espécies como gérberas, girassóis, hortênsias e suculentas têm tudo a ver com o clima da cerimônia rústica.

Roupas

Especialmente se for durante o dia, o casamento rústico pede um vestuário mais leve. A noiva pode apostar em tecidos delicados, como os rendados, por exemplo, e as madrinhas podem inclusive usar comprimentos médios e curtos.

Para as daminhas de honra e pajens, também vale fugir do tradicional. Uma bermudinha para ele e vestidinhos leves para elas.

Para o noivo, é essencial fugir do clássico terno preto com gravata. Ele pode escolher uma cor mais pastel, como o nude ou o azul claro, e vestir coletes e suspensórios.

Gastronomia do casamento rústico

Como o casamento rústico é mais descolado, não é preciso tanta formalidade. Você pode apostar em um menu com as chamadas finger foods, que são comidinhas ao estilo dos canapés, ou mesmo em comidas volantes, como caldos e massas.

Nada impede, no entanto, que você faça um jantar. O essencial é deixar seus convidados bem servidos e à vontade.

Local

Um casamento rústico deve ser feito ao ar livre, ou no máximo em um local amplo e aberto, que não tenha cara de salão de eventos. Para isso, você não precisa se deslocar até uma fazenda ou sítio distantes. Saiba que em São Paulo mesmo, por exemplo, existem espaços com boa infraestrutura e ótimas áreas externas para você realizar sua cerimônia.

Você percebeu que planejar um casamento rústico é tão desafiador quanto planejar um casamento tradicional, não mesmo? Apesar disso, esse é um momento que você deve curtir, acima de tudo! Envolver-se com os preparativos e pensar em cada detalhe certamente fará do seu casamento uma cerimônia inesquecível.

Se você gostou das nossas dicas sobre casamento rústico, leia também o nosso post sobre casamentos no campo e conheça ideias inspiradoras.

Casamento Vintage

Casamento Vintage – A palavra vintage deriva da produção de vinho: “vint”, se refere à safra da uva, e “age”, à idade do vinho. É quando a safra é excepcional e o vinho daquele ano é todo ele produzido exclusivamente com aquela safra.

O estilo Vintage em Casamentos, tem como proposta, resgatar objetos e símbolos de décadas passadas, dando um ar “Retrô” à festa. Alguns cuidados são necessários para não haver exagero nem falta no mix da decoração, objetos e estilos dentro da cerimônia e festa de casamento.

O Casal Maria Fernanda e André se casaram no Castelo Aragon, usando e abusando do conceito.

Da contratação do Pipoqueiro à montagem de um Lounge Retrô no Jardim, o Casamento foi cheio de detalhes e charme do inicio ao fim. O Cinema ao ar livre, passando filmes antigos do Elvis Presley fez sucesso e as Jaboticabeiras que estavam florindo, foram usadas como árvores de Maçãs do Amor! Ficou lindo!

O Bouquet, o Véu da noiva, os tenis All Star do noivo e padrinhos….tudo descolado e bacana. Até o Cover do Elvis Presley foi contratado! Parabéns ao casal, muitas felicidades e que o casamento inspire outras noivas que desejam adotar o conceito de Casamento Vintage!

Exemplos de objetos para um Casamento Vintage – Anos 20, 30, 40, 50 e 60

  • Retratos antigos
  • Relíquias de família
  • Antiguidades
  • Souvenirs antigos
  • Móveis clássicos
  • Móveis Provençais
  • Porcelanas e Louças Antigas
  • Lustres de Cristais
  • Bicicletas Antigas com cesto de flores
  • Rendas, laços e pérolas misturadas aos arranjos de flores

SaveSaveSaveSave

SaveSave

SaveSaveSaveSave