O casamento é um momento especial em que as pessoas mais importantes da vida do casal estão reunidas para celebrar o amor e a felicidade que os une. E os pombinhos, é claro, querem que tudo saia perfeito, que todos os seus sonhos sejam realizados em sua plenitude!

Até que o grande dia chegue, muitos aspectos precisam ser pensados, discutidos e definidos para que as ideias saiam do papel e virem realidade da melhor maneira possível. Isso envolve, por exemplo, a escolha do estilo da festa, dos fornecedores, a definição da lista de convidados… são muitos itens! E, você deve saber bem, cada um deles tem um peso diferente no custo total da celebração.

Com tantas coisas a serem escolhidas, pode parecer difícil estabelecer onde gastar mais no orçamento de casamento. Por isso, trouxemos para você algumas sugestões de o que você deve priorizar para garantir um casamento dos sonhos. Acompanhe nosso texto de hoje:

O que priorizar no orçamento do seu casamento

Independentemente de qual seja o budget destinado ao grande dia, você precisa pensar em três coisas que são fundamentais para o casamento: cerimônia, festa e decoração. Sem a devida atenção a elas, a festa pode ser prejudicada e você não quer nem pensar em uma coisa dessas, não é mesmo?

1. Cerimônia

Esse momento é muito especial, quer você seja uma pessoa religiosa quer não — afinal, a cerimônia é o momento em que você oficialmente diz “sim” para o seu grande amor. Assim, é importante valorizá-la, para que sejam instantes repletos de significados para os dois.

A escolha do local ideal vai ser influenciada pela sua lista de convidados. Locais menores e mais intimistas são ideais para celebrações com poucas pessoas presentes. Por outro lado, caso o número de familiares e amigos seja elevado, você terá que optar por espaços maiores.

Uma solução que pode ser bastante prática é a escolha de um local em que possam ser realizadas a cerimônia e a festa. Dessa forma, você facilita a logística de deslocamento pela cidade para você e seus convidados, otimiza questões de decoração, economiza com um único aluguel de espaço e ainda consegue realizar os mais diversos tipos de cerimônia: religiosa, culto ecumênico ou mesmo com rituais escolhidos por vocês dois.

2. Festa

Depois do “sim”, é hora de comemorar! A festa precisa ser um momento de descontração e divertimento para você, seu noivo e seus convidados. Para isso, é importante que ela tenha um espaço considerável no seu orçamento.

Se você e seu noivo querem algo diferente, podem optar por uma festa ao ar livre. Mas não deixe de considerar o tamanho do espaço, pois nele precisam caber confortavelmente todos os seus convidados.

A escolha do buffet precisa ser feita com bastante atenção. Procure fornecedores que você já conhece ou que têm tido boas indicações. É comum que algumas casas ofereçam o próprio buffet junto do aluguel do espaço.

Esta é uma opção interessante, com bom custo-benefício, já que os fornecedores já trabalham com a casa e conhecem a fundo todos os detalhes logísticos para atender no local e, com isso, conseguem oferecer um preço mais atrativo.

É importante que vocês conversem bastante para que as opções do menu escolhido estejam de acordo com o gosto do casal, mas que também atendam ao perfil dos convidados.

3. Decoração

A decoração é o que vai fazer com que o evento tenha a personalidade de vocês dois e, por isso, ela é tão importante.

Antes de decidir arranjos, enfeites ou iluminação, é preciso pensar sobre o estilo da sua festa. Vocês querem algo tradicional? Ou preferem uma celebração diferente, como um casamento vintage? Escolhendo um desses ou outro estilo, essa definição é o que vai guiar todas as escolhas decorativas.

Na hora de tomar as decisões nesse quesito, lembre-se de que a cerimônia e festa devem ter a mesma linguagem visual, ou seja, a mesma paleta de cores, o mesmo estilo de flores e de ornamentos em geral.

E cada detalhe conta para fazer uma decoração digna de um casamento de princesa: os tipos de flores escolhidos, centros de mesa, ornamentação do bolo e até mesmo as lembrancinhas compõem o cenário do seu sonho.

Portanto, nada de deixar a decoração de lado, ok?

Como ter o melhor custo-benefício no orçamento do seu casamento

Agora que você já sabe quais são os pontos mais importantes do casamento — e que é neles que você mais deve investir o seu orçamento — vamos dar algumas dicas de como conseguir um bom custo-benefício no planejamento desse grande evento.

Planejamento financeiro

Como tudo na vida, planejamento é fundamental. Sair por aí fazendo compras e contratações sem se planejar pode trazer problemas e gastos desnecessários.

Dessa forma, é imprescindível que vocês dois discutam quais são os itens que não podem faltar no casamento e os coloquem em ordem de prioridade — sem esquecer do que já falamos sobre a importância da cerimônia, da festa e da decoração.

Avaliem também o quanto vocês estão dispostos a pagar por esse sonho e distribuam o valor pelos itens escolhidos. Assim, vocês conseguem dedicar uma quantia maior para aquilo que vocês acham que não pode faltar.

Outro ponto importante — e que acaba atrapalhando muitos casais — é saber quanto, em média, custa cada um dos itens que vocês pretendem contratar. Essa informação será importante para avaliar o custo-benefício dos serviços oferecidos. Com isso, você evita contratar serviços caros demais, que não compensam o valor pago por eles.

Lista de convidados

Em um primeiro momento, é possível que você queira chamar absolutamente todas as pessoas que você conhece e por quem tem carinho para serem testemunhas dos votos que você e seu noivo trocarão. Mas logo você vai perceber que isso não vai ser possível.

A lista de convidados impacta diretamente no seu orçamento — afinal, quanto mais pessoas, maior deve ser o espaço, o buffet, o bolo, as lembrancinhas, etc. Então, se você quer fazer o seu dinheiro valer, vai ter que cortar algumas pessoas.

A gente sabe, cortar pessoas da lista é difícil! Mas vai valer a pena quando você perceber que, ao deixar de convidar aqueles amigos de infância que você não vê há 10 anos, você vai poder investir em outros aspectos da festa com os quais você vem sonhando. Vale a pena um casamento mais intimista, pode acreditar!

Decoração minimalista

Tenha em mente o mantra: menos é mais. Uma decoração com menos itens é a tendência do momento que, além de linda, ajuda a reduzir os custos da festa.

Muitos casais vêm optando por esse estilo, que confere autenticidade à celebração e a deixa encantadora. Não que um décor rebuscado, tradicional e repleto de elementos decorativos, também não seja incrível. Mas o estilo minimalista passa um ar de modernidade que pode refletir bem a identidade dos noivos.

Convite, decoração e até mesmo o vestido da noiva podem seguir esse conceito.

Saber fazer o orçamento de casamento com sabedoria pode ser uma tarefa árdua. Mas, com as dicas hoje, temos certeza de que você vai olhar para essa empreitada com outros olhos e tirar isso de letra!

Para receber mais dicas como essas diretamente em sua caixa de entrada e conseguir realizar seu casamento dos sonhos, assine nossa newsletter!

Autor

Escreva um comentário

Share This