Tag

orçamento

Browsing

Como planejar sua lua de mel

Na hora de planejar o seu casamento, a lua de mel não pode ser deixada de lado. Ela é importante para marcar o início da vida conjunta do casal da melhor forma: repleta de momentos românticos, relaxantes e divertidos. Já teve dúvidas de como programar esse momento? Então confira:

Personalidade do casal

Entender qual é a personalidade de ambos pode ajudar a traçar os primeiros pontos para decidir onde irão. Saber quais são seus gostos e o que querem facilita na escolha e deixa a viagem mais harmoniosa e proveitosa. Não vale a pena usar esse momento aproveitando a lua de mel dos sonhos de outra pessoa, não é?

Anote, trace planos, faça rascunhos, listas. Existem muitas possibilidades, e caso a falta de ideias seja o empecilho: pesquise. Muitas pessoas que já casaram ou irão casar hoje tem listas pela internet afora que podem servir de inspiração.

Orçamento

O orçamento é um dos itens mais importantes para conseguir realizar uma boa viagem e com menos imprevisto estresse possível. Você precisa saber o quanto você tem disponível para realizar a viagem para se planejar melhor.

A partir disso, você consegue colocar no papel as prioridades e estipular valores a serem gastos. Uma boa viagem pede uma boa estada e momentos muito românticos, mas sem esquecer de ser pé no chão com os gastos. Uma dica é incluir dentro do orçamento os gastos que acontecerão durante a viagem, como compras e restaurantes.

Planejamento

Para realizar um bom planejamento, é importante ter uma noção do tempo e data da viagem. Isso irá permitir que você busque as passagens e aproveite o melhor disponível para aquela época do ano. Programar quantos dias vocês ficarão viajando pode evitar imprevistos, além de fazer roteiros.

Além disso, o ideal é não contar com os dias de chegada e de partida como dias úteis. Eles devem ser usados para arrumar/desfazer as malas e relaxar depois do tempo estressante da viagem.

Passagens aéreas

Depois de fazer a organização e planejamento, é hora de ficar de olho.

Algumas empresas, ainda, possuem programas de milhas. Resta ficar esperta e acompanhar os preços dos destinos, sempre seguindo o orçamento. A antecedência é o melhor plano!

Vantagens da cerimônia e festa de casamento no mesmo local

Planejar um casamento traz muitas dúvidas, e uma delas é onde será a realização da cerimônia e da festa. Atualmente, existem muitos casais que dão preferência para simplificar os processos e tornar a experiência proveitosa, realizando a cerimônia e a festa de casamento no mesmo local. Confira as vantagens:

  • Praticidade

Ter os dois eventos no mesmo local coloca a praticidade ao seu favor. Facilita para as equipes de organização e os próprios noivos, controlando melhor o evento e ajudando no acompanhamento da programação. Não há tanta preocupação com os atrasos, sendo possível recuperar o tempo perdido.

  • Deslocamento

Muitas pessoas que escolhem realizar as duas partes do casamento em lugares diferentes tem como principal obstáculo o deslocamento após a cerimônia. Isso pode motivar o esgotamento e os atrasos. Realizar os dois eventos no mesmo local pode diminuir a demora, ajudar a manter a programação, evitar o trânsito e a não se estressar com as vagas de estacionamento. Assim, é possível tirar melhor proveito do momento.

  • Cerimônias não religiosas

Atualmente, muitas pessoas não seguem uma religião ou preferem uma celebração civil. Por isso, muitos optam por um espaço laico, com um juiz de paz realizando a cerimônia civil ou optando por outro celebrante.

Isso acontece, por exemplo, em casamentos de casais ateus ou casamentos feitos pela segunda vez para comemorar as bodas, por exemplo. Além disso, é possível optar pela celebração sem templos.

  • Economia

Reservar espaços diferentes pode sair mais caro! Uma forma de economizar é realizando o orçamento em um local que possa ocupar os dois eventos. Ainda facilita na hora de combinar a decoração dos espaços, já que a mesma equipe faz a decoração dos dois ambientes.

  • Fotografia

Ao realizar casamentos ao ar livre, muitas possibilidades fotográficas são abertas. Fazer fotos criativas, aproveitar a luz e os cenários naturais. O tempo de deslocamento também influencia. 

Quanto menos tempo é perdido com o deslocamento, mais tempo pode ser reservado para as fotos. As sessões podem ser mais longas e renderão mais memórias.

Como reduzir os custos com estrutura para o casamento?

Quando estamos organizando um casamento, sabemos que os gastos são diversos. O mercado oferece inúmeras opções e, é claro, queremos contratar os melhores serviços para proporcionar um momento único a todos os nossos convidados. Considerando que os gastos geralmente acabam sendo exacerbados, você sabe como reduzir os custos com estrutura para casamento — ou melhor, se isso é realmente possível?

São diversos os investimentos que compõem a estrutura, como aluguel do salão, mobília, som, iluminação e decoração. Contudo, se você souber como enxugar os gastos, é possível realizar uma festa inesquecível e ter o casamento dos seus sonhos sem usar quantias exorbitantes.

Se você quer saber como reduzir os custos com estrutura para casamento, continue a leitura e aprenda tudo sobre o assunto! Vamos lá?

Organize com calma a planilha orçamentária

O primeiro passo para saber até onde você pode investir é fazer uma planilha para organizar o financeiro da sua festa. Liste todos os gastos, separando-os por áreas para otimizar o tempo:

  • estrutura;
  • convites e materiais impressos;
  • alimentação e bebidas;
  • vestimentas;
  • equipe de trabalho;
  • lua de mel;
  • logística e transporte.

Ao mapear todos os custos, é possível ter um panorama bem amplo sobre a sua festa. Marque todos os itens que são prioritários e os aspectos dos quais você não abre mão e tente negociar um valor menor para aqueles que são menos importantes.

Saiba negociar os valores

Para cada item da sua lista, solicite, no mínimo, três orçamentos. Dessa forma, fica muito mais fácil saber se algum fornecedor está superfaturando em cima de algum item — afinal, não é nenhuma novidade que muitos fornecedores cobram muito mais do que deveriam quando ouvem a palavra “casamento”.

Isso, no entanto, não significa que você deve contratar o fornecedor mais barato. Estamos apenas ressaltando que, para realizar o casamento dos seus sonhos, é necessário avaliar o melhor custo-benefício, prezando sempre pela qualidade dos serviços e pela confiança no fornecedor.

Além disso, se você gostou de algum fornecedor e ele não é o mais em conta financeiramente, tente conversar e chegar em um acordo em comum, talvez substituindo alguns itens que são mais caros por outros mais econômicos.

Contrate poucos (e bons) fornecedores para reduzir custos com estrutura para casamento

Outro segredo para não estourar o orçamento é contratar poucos fornecedores. Contudo, eles precisam ser da sua confiança para que exista a certeza de que nenhum deles vai criar uma terrível dor de cabeça na semana do seu evento.

Quando você encontra um fornecedor que tem grande parte dos itens necessários, é indicado fechar um pacote (o que comumente acaba saindo mais em conta). Além disso, não há a preocupação em assinar diversos contratos e controlar a chegada de cada um deles no seu casamento.

Por exemplo, imagine que você alugou cadeiras em lugar, sofás em outro, lustres em outro e ainda vasos decorativos em um quarto fornecedor. É necessário se preocupar com quatro contratos, quatro pagamentos, quatro notas fiscais, quatro entregas, montagens, desmontagens… cansativo, não? Agora, imagine que todos esses itens você alugou em apenas um lugar. O processo se torna muito mais fácil e acessível, certo?

Contrate uma assessoria expert no assunto

É natural que muitas pessoas pensem que, se ela própria organizar o seu casamento, os custos serão muito menores. Contudo, por ser expert no assunto, uma assessoria em eventos tem muito mais propriedade para encontrar os itens personalizados que você precisa, sabendo quais materiais podem ser substituídos por outros mais acessíveis, mas da mesma qualidade.

Normalmente, as assessorias firmam parcerias com fornecedores-chave, ou seja, investem sempre nos mesmos que trazem mais confiança e têm a certeza de que os produtos alugados são de qualidade.

Isso acontece porque as assessorias de eventos planejam, coordenam e organizam diversos casamentos ao mesmo tempo, assim conseguindo negociar um valor muito melhor para a estrutura do seu casamento.

Além disso, você não precisa se preocupar com detalhes técnicos e pode focar a sua atenção em assuntos mais interessantes, como a escolha do modelo do convite, o vestido de noiva e até mesmo organizar a tão sonhada viagem de lua de mel.

Confira se o espaço alugado tem estrutura para som e iluminação

Se você optar por realizar o seu casamento em um local que não tenha estrutura para o som e a luz, saiba que será mais um investimento necessário. Por isso, é sempre recomendado encontrar um lugar que já tenha essas estruturas.

Existem, por exemplo, ambientes que já têm espaço para inserir os globos de luz e montar uma pista de dança incrível. Ao contrário, se o ambiente não tiver isso, é necessário investir nas estruturas de goleira, torres e outras estruturas de luzes — sem contar que você vai precisar investir em uma boa decoração para escondê-las.

Encontre um local que seja naturalmente lindo

O que queremos dizer com isso? Significa que, se houver o investimento em um espaço bruto, que tem apenas quatro paredes e luzes comuns, você vai gastar o dobro investindo em decoração como tapumes, plantas, faixas e demais acessórios.

Agora, se você encontrar um espaço que seja apropriado para festas, que as paredes já sejam pintadas de acordo com a elegância da ocasião, que seja bem iluminado com grandes janelas e tenha lustres charmosos, será preciso investir em alguns poucos artigos para embelezá-lo.

Além disso, alguns espaços para aluguel para eventos possuem jardins integrados, favorecendo o bem-estar e acomodação dos convidados — além, é claro, de tornar o momento ainda mais perfeito.

Sabendo que o casamento é uma celebração importante tanto para os noivos quanto para os convidados, ele precisa ser muito bem planejado para tornar o momento único para todos. Por isso, uma etapa muito importante na organização de uma festa é saber como economizar na hora de contratar os serviços. Assim, quando você enxuga esses gastos, pode investir em outros detalhes que considera mais importante.

Neste post, apresentamos algumas dicas sobre como reduzir os custos com estrutura para casamento. Se você nos acompanhou até aqui, temos a certeza de que vai adorar aprender também sobre os benefícios de fazer a cerimônia e a festa no mesmo local. Boa leitura e até o próximo post!

Orçamento de casamento: onde gastar mais?

O casamento é um momento especial em que as pessoas mais importantes da vida do casal estão reunidas para celebrar o amor e a felicidade que os une. E os pombinhos, é claro, querem que tudo saia perfeito, que todos os seus sonhos sejam realizados em sua plenitude!

Até que o grande dia chegue, muitos aspectos precisam ser pensados, discutidos e definidos para que as ideias saiam do papel e virem realidade da melhor maneira possível. Isso envolve, por exemplo, a escolha do estilo da festa, dos fornecedores, a definição da lista de convidados… são muitos itens! E, você deve saber bem, cada um deles tem um peso diferente no custo total da celebração.

Com tantas coisas a serem escolhidas, pode parecer difícil estabelecer onde gastar mais no orçamento de casamento. Por isso, trouxemos para você algumas sugestões de o que você deve priorizar para garantir um casamento dos sonhos. Acompanhe nosso texto de hoje:

O que priorizar no orçamento do seu casamento

Independentemente de qual seja o budget destinado ao grande dia, você precisa pensar em três coisas que são fundamentais para o casamento: cerimônia, festa e decoração. Sem a devida atenção a elas, a festa pode ser prejudicada e você não quer nem pensar em uma coisa dessas, não é mesmo?

1. Cerimônia

Esse momento é muito especial, quer você seja uma pessoa religiosa quer não — afinal, a cerimônia é o momento em que você oficialmente diz “sim” para o seu grande amor. Assim, é importante valorizá-la, para que sejam instantes repletos de significados para os dois.

A escolha do local ideal vai ser influenciada pela sua lista de convidados. Locais menores e mais intimistas são ideais para celebrações com poucas pessoas presentes. Por outro lado, caso o número de familiares e amigos seja elevado, você terá que optar por espaços maiores.

Uma solução que pode ser bastante prática é a escolha de um local em que possam ser realizadas a cerimônia e a festa. Dessa forma, você facilita a logística de deslocamento pela cidade para você e seus convidados, otimiza questões de decoração, economiza com um único aluguel de espaço e ainda consegue realizar os mais diversos tipos de cerimônia: religiosa, culto ecumênico ou mesmo com rituais escolhidos por vocês dois.

2. Festa

Depois do “sim”, é hora de comemorar! A festa precisa ser um momento de descontração e divertimento para você, seu noivo e seus convidados. Para isso, é importante que ela tenha um espaço considerável no seu orçamento.

Se você e seu noivo querem algo diferente, podem optar por uma festa ao ar livre. Mas não deixe de considerar o tamanho do espaço, pois nele precisam caber confortavelmente todos os seus convidados.

A escolha do buffet precisa ser feita com bastante atenção. Procure fornecedores que você já conhece ou que têm tido boas indicações. É comum que algumas casas ofereçam o próprio buffet junto do aluguel do espaço.

Esta é uma opção interessante, com bom custo-benefício, já que os fornecedores já trabalham com a casa e conhecem a fundo todos os detalhes logísticos para atender no local e, com isso, conseguem oferecer um preço mais atrativo.

É importante que vocês conversem bastante para que as opções do menu escolhido estejam de acordo com o gosto do casal, mas que também atendam ao perfil dos convidados.

3. Decoração

A decoração é o que vai fazer com que o evento tenha a personalidade de vocês dois e, por isso, ela é tão importante.

Antes de decidir arranjos, enfeites ou iluminação, é preciso pensar sobre o estilo da sua festa. Vocês querem algo tradicional? Ou preferem uma celebração diferente, como um casamento vintage? Escolhendo um desses ou outro estilo, essa definição é o que vai guiar todas as escolhas decorativas.

Na hora de tomar as decisões nesse quesito, lembre-se de que a cerimônia e festa devem ter a mesma linguagem visual, ou seja, a mesma paleta de cores, o mesmo estilo de flores e de ornamentos em geral.

E cada detalhe conta para fazer uma decoração digna de um casamento de princesa: os tipos de flores escolhidos, centros de mesa, ornamentação do bolo e até mesmo as lembrancinhas compõem o cenário do seu sonho.

Portanto, nada de deixar a decoração de lado, ok?

Como ter o melhor custo-benefício no orçamento do seu casamento

Agora que você já sabe quais são os pontos mais importantes do casamento — e que é neles que você mais deve investir o seu orçamento — vamos dar algumas dicas de como conseguir um bom custo-benefício no planejamento desse grande evento.

Planejamento financeiro

Como tudo na vida, planejamento é fundamental. Sair por aí fazendo compras e contratações sem se planejar pode trazer problemas e gastos desnecessários.

Dessa forma, é imprescindível que vocês dois discutam quais são os itens que não podem faltar no casamento e os coloquem em ordem de prioridade — sem esquecer do que já falamos sobre a importância da cerimônia, da festa e da decoração.

Avaliem também o quanto vocês estão dispostos a pagar por esse sonho e distribuam o valor pelos itens escolhidos. Assim, vocês conseguem dedicar uma quantia maior para aquilo que vocês acham que não pode faltar.

Outro ponto importante — e que acaba atrapalhando muitos casais — é saber quanto, em média, custa cada um dos itens que vocês pretendem contratar. Essa informação será importante para avaliar o custo-benefício dos serviços oferecidos. Com isso, você evita contratar serviços caros demais, que não compensam o valor pago por eles.

Lista de convidados

Em um primeiro momento, é possível que você queira chamar absolutamente todas as pessoas que você conhece e por quem tem carinho para serem testemunhas dos votos que você e seu noivo trocarão. Mas logo você vai perceber que isso não vai ser possível.

A lista de convidados impacta diretamente no seu orçamento — afinal, quanto mais pessoas, maior deve ser o espaço, o buffet, o bolo, as lembrancinhas, etc. Então, se você quer fazer o seu dinheiro valer, vai ter que cortar algumas pessoas.

A gente sabe, cortar pessoas da lista é difícil! Mas vai valer a pena quando você perceber que, ao deixar de convidar aqueles amigos de infância que você não vê há 10 anos, você vai poder investir em outros aspectos da festa com os quais você vem sonhando. Vale a pena um casamento mais intimista, pode acreditar!

Decoração minimalista

Tenha em mente o mantra: menos é mais. Uma decoração com menos itens é a tendência do momento que, além de linda, ajuda a reduzir os custos da festa.

Muitos casais vêm optando por esse estilo, que confere autenticidade à celebração e a deixa encantadora. Não que um décor rebuscado, tradicional e repleto de elementos decorativos, também não seja incrível. Mas o estilo minimalista passa um ar de modernidade que pode refletir bem a identidade dos noivos.

Convite, decoração e até mesmo o vestido da noiva podem seguir esse conceito.

Saber fazer o orçamento de casamento com sabedoria pode ser uma tarefa árdua. Mas, com as dicas hoje, temos certeza de que você vai olhar para essa empreitada com outros olhos e tirar isso de letra!

Para receber mais dicas como essas diretamente em sua caixa de entrada e conseguir realizar seu casamento dos sonhos, assine nossa newsletter!